quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Saúde não tem bandeira

Tenho lido/ouvido muita gente criticando o governo por trazer médicos cubanos para cuidar dos brasileiros.

Perai, saúde em primeiro lugar, fato isso. Não depende da língua do cara, da nação e sim se ele está para cuidar de quem precisa.

Quem  está criticando vai usar esses médicos? Ou são apenas “profissionais” folgados que vivem nos medicando com viroses e nos dão qualquer coisa pra tomar?


Vergonha na cara povo, a saúde não pode ter uma bandeira, tem que salvar as nações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É legal expor o que pensamos, eu já fiz a minha parte e você está fazendo a sua agora, e eu agradeço.