quarta-feira, 30 de março de 2016

Maníacos por series

Observo direto na mídia e nas redes sociais as pessoas vangloriando determinada série de TV. Tento entender as pessoas gostarem tanto disso, que pra mim é como uma novela, mas sem ser diária.
Meu vi como um não espectador disso. Olhei várias séries que são exibidas por ai e nada. Mas ai a HBO estreou “Vinyl” que fala sobre a indústria da musica em 1973, fiquei curioso e decidi assistir e adorei. Não me viciei, mas assisti à todos episódios até agora.
Como é uma coisa semanal, fui atrás de outras séries e acabei me interessando por “House of Cards” que fala sobre a manipulação do poder nos EUA, mas que é muito praticado no mundo todo, e tem muito a ver com a atual situação brasileira. Essa série, que consigo assistir mais corriqueiramente, estou na metade da 4ª temporada.
Mas não me atentei somente às essas duas que são “baseadas em fatos reais” estou assistindo também à “Once upon a time” que conta a história de um moleque que vive em Storyboard e acha que todos habitantes são personagens de contos de fadas. Uma série fictícia e que tenho assistido, mas tem muitos episódios, acredito que possa cansar.
Relembrei de coisas que assisti antes disso ser uma “moda”, lembro de assistir “Armação Ilimitada”, “Profissão Perigo”, “Trovão Azul”, “Barrados no Baile”, “O elo perdido”, “Chaves”, “Chips”, “A feiticeira”, “Jeannie é um gênio”, entre milhares de outras que me falha a memoria agora, mas sem esquecer da maior de todas “Anos incríveis” que passava na TV Cultura.
Acho que eu também fui/sou um maníaco por séries.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É legal expor o que pensamos, eu já fiz a minha parte e você está fazendo a sua agora, e eu agradeço.