quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Doce Rotina

Ontem, estava vindo para o serviço, vi um rapaz abrindo sua loja, deu uma suspirada, levantou a porta e tentei adivinhar seu pensamento “ai Senhor, mais um dia, igual ao outro” e continuei a andar. Na hora do almoço passei em frente a loja e percebi que ele estava ali sentado, olhando à TV com cara de “mudam as noticias mas eu continuo aqui”. Na hora que fui embora, passei na porta e o vi limpando a loja com a cara de “que amanhã seja diferente senhor”.

Claro que eu estou colocando pensamentos na cabeça dele, julgando e tal, mas lembrei de quando eu trabalhava em loja, como era a rotina, só mudada aos sábados e domingos, pois dia de semana era um marasmo só.

Desde 2002 dou aulas, dizem que é chato, que não é emprego, que é passatempo, bom, eu sou cobrando como numa grande empresa que espera resultados financeiros, hoje eu me cobro resultado de colocar pessoas especiais no mercado de trabalho e seguirem uma vida correta.

Minha rotina é igual a do cara da loja, abrir a sala, ligar os micros, preparar a aula, esperar resultados... mas é ai que está a diferença, o resultado. O cara La na loja precisa do dinheiro da venda para sobreviver, eu preciso do retorno de cada um para ver que consegui fazer algo pela vida deles. Ver que logo meus alunos estarão num local trabalhando honestamente e ganhando a vida.

A minha rotina nunca é igual, pois a resposta de cada um deles é sempre diferente, eles são 140 no total, e a resposta nunca é a mesma, e isso faz com que eu tenha dias de surpresa, sem saber o que realmente me espera pela frente, diferente da loja, que vira e mexe temos que dobrar uma roupa que o cliente não gostou.

15 comentários:

  1. Ronaldo, vou te falar uma coisa,
    toda rotina é um saquinho, fazer todos os dias e mesma coisa, mas, se pararmos pra pensar, quando não temos ela, por estar desempregados ou algo assim, sentimos falta, então ,será q ela é tao ruim assim? Hoje no caminho pro trabalho eu vim lendo um livro da Martha |Medeiros e ela falava sobre toranas a nossa rotina e a nossa vida alegres,prazerozas, mas isso,a gente é quem faz, podemos inventar seja uma coisinha diferente no dia pra q a gente mude um pouco a rotina.

    gostei do texto,passa no meu blog...
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá! Gosto muito dos teus textos, demonstra com maestria ser um cara inteligente.
    Eu sinceramente ODEIO rotina, mas estou passando por uma há 08 anos, no mesmo emprego, de saco cheio, ficando meio louca, de mau humor e engolindo sapos pq me sinto de mãos atadas para seguir a diante.
    É HORRÍVEL essa sensação de impotência!
    Mas no seu caso é diferente. Esperar o resultado de outras pessoas que dependem do seu ensimento para ir á luta, é excitante e intrigante, pois cada ser interpreta de uma forma bem particular as coisas que lhes chegam.
    Boa Sorte nas suas surpresas diárias!
    Um grande dia! Bjs

    ResponderExcluir
  3. A rotina é inexorável... a falta de rotina leva à rotina da falta de rotina... logo, não há como fugir dela... temos que aprender a potencializar os pontos positivos...

    Ah! Tem postagem nova no Ó Com Copo... http://ocomcopo.blogspot.com/
    Até logo mais...

    ResponderExcluir
  4. É... Tudo tem pontos positivos e negativos. Mesmo que em nossas vidas a rotina parece nos matar mais a cada dia, quase nos deixando sem esperanças, acredito que temos poder para fazer e esperar sempre pelo melhor para transformar esforço em frutos bons (: Seja trabalhando numa loja, dando aulas, o que for, ser uma boa pessoa e esforçada talvez seja o essencial para conseguir o que queremos.

    ResponderExcluir
  5. Saber lidar com a rotina em nossa vida é complicadíssimo. Seja no trabalho, família, vida amorosa... rotina é complicado de administrar com o passar dos anos.

    ResponderExcluir
  6. rotina é tomar café com leite sem pão todo santo dia.. o resto sempre muda já que os passos dos outros também mudam, e tudo muda. Isso são detalhes que o cara do café com leite esquece... coisas simples, pequenas.. isso vale... o/

    ResponderExcluir
  7. DOCE ROTINA de NOZES
    Voce é um delicioso presente dos deuses...rsrsrsrsr. Te ler é imaginar minha vida com um bônus de uns 10 aninhos ( é exata diferença de tempo a mais que levei para sacar certas sutilezas da vida.... que vc..rsrrsr) Parabens!!!! Logo se vê que traz consigo um discreto porem eficiente “quebra nozes” .... Tipico garoto “ex.PERTO”.... não demora , vai surpreender-se com tantos :“_ sempre soube que vc iria LONGE....” rsrsrsr

    Sandra Villas

    ResponderExcluir
  8. oiii
    assim já trabalhei em loja um mês quase pirei era muito chato esperar cliente hehe, mas em escola como professora eu vejo que meu tempo voa, e mesmo quando trabalho de modelo não tenho rotina... mesmo que eu chegue arrume a sala, arrume os brinquedos todos os meus bebês me contam uma novidade e alguma coisa diferente... simplemeste amoooo...

    beijo e bom findi

    ResponderExcluir
  9. Oi!

    Entrei no seu blog pra conhecer (adorei e já me tornei seguidora!) e gostaria que vc conhecesse o meu: www.dicasesuor.blogspot.com

    Bjo

    ResponderExcluir
  10. Concordo na parte onde diz que não temos bons candidatos. Mas Dilma foi terrorista. Serra teve caso com a filha de não sei qual ditador em um desses países onde tudo é proibido e por amizade com o ditador, não morreu. E a Marina... tem sua campanha baseada somente na sustentabilidade.
    E a economia? E a educação?
    Se nosso país não tem nem candidatos bons, quem dirá os eleitos...

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Belo texto, muito maduro e consciente.
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
  12. Rotina me lembra rota certeira.
    Mas há atalhos, ao menos podemos criar uns - e os mais simples são os melhores.
    Como crianças que andam pelo meio fio na calçada.
    Qualquer coisa assim, inocente, desfaz a sensação da rota.
    E da coisa certeira.
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  13. Teus textos são ótimos...belas reflexões...Parabéns!

    Linda semaninha prá vc menina!

    bjos..

    ResponderExcluir
  14. Ronaldo,em matéria de rotina eu sou mestre...
    Sou dona de casa,mãe,e esposa.As vezes os dias ficam tão iguais,que até o amor fica rotineiro,é uma loucura.
    Eu já fui uma jovem rebelde na escola,custei a entender que somente eu perdia com aquele comportamento,po´rem,hoje eu valorizo muito a profissão,apenas me intristesse ver como a classe é desvalorizada no brasil,bem diferente da china onde o professor éo cargo mais importante.
    Olha eu não imagino porque não conseguiu me seguir,porem vou alhar a configuração do blog,fiquei muito feliz em ver que você sendo uma pessoa tão bem intruida gostou da minha forma de escrever. Você conhece meu blog Enquanto Há vida,ainda há esperança?
    De uma olhada,estarei te seguindo,e tenho certeza que farei sempre uma ótima leitura por aqui.

    ResponderExcluir

É legal expor o que pensamos, eu já fiz a minha parte e você está fazendo a sua agora, e eu agradeço.