segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Do Jingle bells ao ziriguidum

Festas que nos fazem parar Brasileiro, em sua grande maioria, é um povo que gosta de festa.

Acabamos de sair do Natal e já começou os preparativos para o carnaval. Não é exagero meu não. Mal acaba aquele clima de paz, felicidade, harmonia e os tamborins já começam a esquentar a nossa orelha, já já a gente vai ver a Globeleza ai sacudindo a TV, e ai o povo esquece dessa harmonia e só pensa no carnaval, a hora que o Brasil realmente começa a andar.

Isso não é uma critica as festas nem ao samba, mas é que a gente se acostuma a viver com data de validade.

Acabamos de sair do Natal vem o ano novo. Ai nos preparamos para o Carnaval por cerca de 40 dias, ai sabemos que em 40 dias temos a páscoa, e depois, em mais uns 40 dias vem o dia das Mães, e de nono nos preparamos para as festas juninas, e em seguida dia dos Pais. Depois de lembrarmos que é dia da independência já tem o dia das crianças em meio a eleição para mudança de presidente e governador, e... já é Natal.

Pare e pense, quantas vezes você ou alguém que você conhece falou que precisa de mais tempo? A gente não precisa de mais tempo, a gente precisa é aproveitar o tempo, a gente faz tudo com prazo de validade pronto e ai nos esquecemos de viver o dia da vida, o dia do amigo, o dia da alegria, o dia da arvore e por ai vai.

Não fiquemos presos à datas, comerciais ou não, e vamos viver cada dia de forma única.

9 comentários:

  1. pior que é verdade...acabado o Natal e o Ano Novo o papai noel some, o clima natalino se esvai e surge o samba, as escolas e a globeleza antecipando os exageros do carnaval.

    Eu detesto o carnaval então gostaria de viver sempre nesse clima mais ameno do Natal e das festas familiares de fim de ano...rsrsrs...


    Feliz Ano Novo pra vc!

    ResponderExcluir
  2. ahh concordo com tuh, nunca parei para analisar, agora a ficha caiu ;D

    pois é vamos tentar viver nossas datas e não as do mercado.

    beeeijos

    ResponderExcluir
  3. Você tem toda razão! E o pior é que ficamos exaustos nestas festas, nos dividindo, querendo agradar à Deus e o mundo...

    Beijos e um lindo 2010, cheio de amor, saúde e paz!!!

    ResponderExcluir
  4. Concordo com você. Mas acho que a gente precisa de datas para se programar. É assim com essas datas comemorativas e feriadões, mas também é assim com os finais de semana. Enfim, a verdade é que nós estamos festejando uma data de olho na próxima.

    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Legal teu blog cara a falta de tempo nos deixa ansiosos.

    http://oqueelesqueremdizer.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. O primo de blog parece que pensa igual a esta prima... rsrsrsrs... Leia meu post que entenderá! A mesma sensação em relação ao tempo com palavras diferentes! Um próspero e aproveitável 2010. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Vivemos no país da diversidade musical e criatividade em datas e criação de novos ritmos e mulheres-frutas e o inferno na terra...

    O pior ainda é ouvir simone no natal...

    ResponderExcluir
  8. acho q as datas as vezes sao necessárias...
    sabe aquele poema do Drummond...
    doze meses são suficientes pra qualuqer um cansar, largar os pontos, desistir dos bets...
    ai vem o ano novo e tudo recomeça...
    arranjamos força qdo algo acaba e qdo algo acaba...

    ResponderExcluir
  9. De 40 em 40 dias as pessoas se enforcam em dívidas para nutrir a necessidade de estar inclusa as pessoas que os rodeiam...
    Passa da gentileza-lembrncinha para status total...
    Deprimente.....

    ResponderExcluir

É legal expor o que pensamos, eu já fiz a minha parte e você está fazendo a sua agora, e eu agradeço.