quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Campanha política

Eleições 2008 Você está ouvindo ou assistindo a campanha política de sua cidade? Do que os candidatos falam? Sim, a mesma coisa sempre.

Aqui em São Paulo eles ficam na mesmice, os lideres da pesquisa falam de educação? Vem todo mundo falando de educação.
O líder muda? Todos mudam.

Ninguém tem opinião própria, tirando um ou outro que tem um plano mirabolante para a cidade é tudo igual, mas você tem que escolher, é obrigado, e quem escolher?

Aquele que apresente idéias menos “loucas”, aquele que mostre que algumas coisas da para ser feita em pouco tempo e outras em muito tempo.

Claro, não esqueça que tem que votar em vereadores, e são eles que acabam mandando ou não na cidade, a pessoa que vence a campanha para a prefeitura vai depender do que esses vereadores vão inventar, então é ai que mora o perigo, saiba escolher com cuidado o vereador, pois ele pode não só mudar o nome da sua rua, mas também brecar a construção de um hospital ou escola só por ele ser de partido opositor do vencedor.

Pense e escolha bem, candidatos bons tem vários, e nem sempre vence o melhor, mas se você olhar, ouvir, ler e entender, vai escolher alguém que pode mudar sua cidade, para o bem ou para o mal.

3 comentários:

  1. Quase não achei os comentários... rsrs

    Acho que o povo não sabe votar. Se soubesse, não estaria o caos que está hj a politica.

    sucesso!

    http://rosas-inglesas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Em resumo, vote na Soninha, rsrsrsr

    Bricadeiras à parte, concordo plenamente com o que você disse. Vivemos numa saara de possibilidades. Tudo indica que estamos fadados ao continuismo, a governos que já tem montada a sua estratégica para os próximos 100 ou 200 anos.

    Podemos, sim, mudar, apesar de meu ceticismo incurável. As alternativas estão aí. A Soninha é uma delas que, apenas do pouco tempo na política, mostra-se inteligente, criativa, integra e bem intencionada.

    ResponderExcluir

É legal expor o que pensamos, eu já fiz a minha parte e você está fazendo a sua agora, e eu agradeço.