sexta-feira, 20 de junho de 2008

Trânsito em SP

SP a tarde Todos os dias a mídia fica falando do transito na cidade de São Paulo.
A prefeitura está tentando de tudo que é jeito consertar isso, mas o problema também está no povo.
Perceba como as pessoas dirigem, como estacionam.
Na porta do serviço cabem três carros, chego primeiro, paro na frente e sobram duas vagas grandes.
As vezes alguém chega antes de mim e para na primeira vaga, só que para trás, e ai o terceiro carro fica quase na esquina. Se o cara para direito, cabem os três.
Do outro lado da rua, a guia é alta e da para estacionar no quarteirão todo, só que todo dia vejo um carro chegar e parar bem distante do da frente, ou seja, ele pensa na hora dele sair, fica mais fácil, mas não pensa que o meio metro que ele se livrou vai atrapalhar outras pessoas.
Comece a notar isso, bem como a quantidade de carros com uma única pessoa dentro, ou então a quantidade de carro velho quebrado no meio do caminho.
Fiquei por quatro anos indo e vindo todo santo dia pela avenida 23 de maio, e todo dia havia ao menos uma Kombi, uma Variant, uma Brasília quebrada. É isso que a prefeitura tem que resolver, tirar esses carros da rua, eles nem licenciamento pagam.
O jeito é fazer aerovias, fazer São Paulo ter um anel viário aéreo e ai sim as coisas vão melhorar, ou então proibir os carros de placas de 0 a 9 de rodarem ;0)

2 comentários:

  1. Onde eu moro o transito ainda não é tão brutal quanto aí, mas garanto que as pessoas dirigem muito pior...hehehehehehe

    flw!

    ResponderExcluir
  2. É sempre assim, camarada. Há todo um descaso para com o "outro" no trânsito.
    Aqui, em Vitória (ES), estão os piores motoristas do hemisfério, além de, claro, serem de um egoísmo sem precedentes.
    A questão não é aerovia.
    A questão é educar essa corja.

    ResponderExcluir

É legal expor o que pensamos, eu já fiz a minha parte e você está fazendo a sua agora, e eu agradeço.